CERRO TRONADOR E GELEIRA NEGRA

Esta excursão tão particular mostra uma das zonas mais belas do Parque Nacional Nahuel Huapi; bosques, lagos, praias, montanhas e cascadas são as “ante-salas” para chegar a visualizar o cerro mais alto da região, o Tronador, de 3491 m.s.n.m., limite natural entre Argentina e Chile. Além da imponente paisagem, é possível contemplar fenômenos naturais pouco frequentes como o Ventisquero Negro (geleira) cuja origem é o branco imaculado do cume do Vulcão Tronador. Aí mesmo nasce o Rio Manso, que descende ziguezagueante desde o Tronador até o Oceano Pacifico, superando as diferenças de altura através das formações de corredeiras e cascatas como a famosa Cascata Los Alerces.

Horário09:00 às 18:00h
IncluiServiço de transporte e guia de turismo, pick-up nos hotéis do centro e até 8km.
Não Inclui Alimentação e ingresso ao Parque Nacional (Verifique o valor antecipadamente)

 

Categorias: ,

Descrição

Esta excursão tão particular mostra uma das zonas mais belas do Parque Nacional Nahuel Huapi; bosques, lagos, praias, montanhas e cascadas são as “ante-salas” para chegar a visualizar o cerro mais alto da região, o Tronador, de 3491 m.s.n.m., limite natural entre Argentina e Chile. Além da imponente paisagem, é possível contemplar fenômenos naturais pouco frequentes como o Ventisquero Negro (geleira) cuja origem é o branco imaculado do cume do Vulcão Tronador. Aí mesmo nasce o Rio Manso, que descende ziguezagueante desde o Tronador até o Oceano Pacifico, superando as diferenças de altura através das formações de corredeiras e cascatas como a famosa Cascata Los Alerces.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “CERRO TRONADOR E GELEIRA NEGRA”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *